InícioFAQBuscarPortalMembrosRegistrar-seConectar-se
Alunos do 1º ano - Não deixem de participar da travessia: part 1, part 2, part 3 e part 4 !
Vaga aberta para professor de Ética Bruxa.
Clique aqui e inscreva-se já no grupo do 1º ano, as aulas começam dia 15 de Julho!
Quer escrever um livro para o RPG, mas não sabe como? Clique aqui e confira como!

Compartilhe | 
 

 Castelo de Dublin

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3  Seguinte
AutorMensagem
Diretor Alvoros Grunnion
Diretor
Diretor
avatar

Patrono : Fênix
Bicho-papão : Diretor

Perfil de Quest
Escola/Casa: Corvinal
Ano Escolar: Concluído
Varinha:

MensagemAssunto: Castelo de Dublin   Seg 14 Jan 2013, 20:46

Relembrando a primeira mensagem :

Castelo de Dublin

Dublin, Irlanda



O Castelo de Dublin, situado na Dame Street, em Dublin, República da Irlanda, é um importante complexo governamental irlandês, antiga sede fortificada do governo britânico na Irlanda até 1922. . A maior parte do complexo data do século XVIII, apesar de se erguer um castelo naquele lugar desde os dias do Rei João, o primeiro Senhor da Irlanda. O castelo serviu, sucessivamente, de sede ao governo britânico da Irlanda sob o Senhorio da Irlanda (1171–1541), ao Reino da Irlanda (1541–1800) e ao Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda (1800–1922). Após a criação do Estado Livre Irlandês, em 1922, o complexo foi cerimonialmente entregue ao recém-formado governo provisório liderado por Michael Collins.

Fonte: Wikipédia



RPGHogwarts.org

_________________
Alvoros Grunnion
Diretor da Escola de Magia e Bruxaria de  Hogwarts


Ações
- Falas
"Falas de outros personagens"
"Pensamentos"
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário

AutorMensagem
Leonardo B. Cancheski
Fantasmas
Fantasmas
avatar


Perfil de Quest
Escola/Casa: Uagadou
Ano Escolar: Concluído
Varinha:

MensagemAssunto: Re: Castelo de Dublin   Dom 21 Fev 2016, 20:24

. Mira para o feitiço que vinha em minha direção .
- Aberratio Ictus
. O feitiço foi contra uma gaivota que estava voando no local e miro para a cabeça do meu adversário .
- Deprimo

_________________
Legenda de duelo:
. Ações Abigos .
- Feitiços Verbais Abigos
" Feitiços não Verbais Abigos "
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Jack W. Silva
Fantasmas
Fantasmas
avatar


MensagemAssunto: Re: Castelo de Dublin   Dom 21 Fev 2016, 20:26

Aparato diretamente acima da cabeça dele, em um golpe de voadora, saindo da frente do deprimo e caindo atrás do bruxo. Com a varinha encostada diretamente nas costas dele, lancei:

"Dolohov"
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Leonardo B. Cancheski
Fantasmas
Fantasmas
avatar


Perfil de Quest
Escola/Casa: Uagadou
Ano Escolar: Concluído
Varinha:

MensagemAssunto: Re: Castelo de Dublin   Dom 21 Fev 2016, 20:28

. Graças às minhas de Yoga tenho flexibilidade e miro para o feitiço apenas deduzindo qual era, pq ele falou nada .
" Reflectus Imprecatio "
. Vejo que deu certo e o CF foi feito contra o mesmo e miro para ele .
" Ignotus Glaciare "
. O fogo azul foi formado em volta do corpo do xóvem a centrimetros do seu corpo, sendo que qualquer movimento iria queimar e ir pro satanás .

_________________
Legenda de duelo:
. Ações Abigos .
- Feitiços Verbais Abigos
" Feitiços não Verbais Abigos "
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Jack W. Silva
Fantasmas
Fantasmas
avatar


MensagemAssunto: Re: Castelo de Dublin   Dom 21 Fev 2016, 20:30

Percebo que ele até que conhecia as regras.

- Reflectus Imprecatio!

Lanço contra o feitiço que vinha.

- AGORA O BICHO VAI PEGAR

Gritei só pra assustar mesmo. Dar um "buh".

Fiz um movimento parecido com o avatar a lenda de aang, como se estivesse fazendo uma dobra de ar frenética.

"Ignotus Gaubracianus"

Fazendo um fogo sinistrasso.

Comecei a controlar o fogo e percebi que ele também conjurava um contra mim. Acontece que o meu já tava ali quando ele criou, e lancei o meu contra ele, simplesmente o cancelando. Sorri.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Leonardo B. Cancheski
Fantasmas
Fantasmas
avatar


Perfil de Quest
Escola/Casa: Uagadou
Ano Escolar: Concluído
Varinha:

MensagemAssunto: Re: Castelo de Dublin   Dom 21 Fev 2016, 20:32

. Falei pra ele .
- Fi da quenga
. Depois mirei para minha frente .
" Conjurius Army "
. Conjurei uma pedra de 1 Tonelada e mirei para a mesma .
- Ferreous
. A pedra foi contra meu adversário e fico meditando enquanto estou em Narnia mentalmente .

_________________
Legenda de duelo:
. Ações Abigos .
- Feitiços Verbais Abigos
" Feitiços não Verbais Abigos "
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Jack W. Silva
Fantasmas
Fantasmas
avatar


MensagemAssunto: Re: Castelo de Dublin   Dom 21 Fev 2016, 20:33

Aparatei atrás dele.

- Não vai aproveitar a oportunidade pra pressionar?

Apontei a varinha pra ele:

- Imperius!

OFF: Quebre suas varinhas e me entregue-as.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Leonardo B. Cancheski
Fantasmas
Fantasmas
avatar


Perfil de Quest
Escola/Casa: Uagadou
Ano Escolar: Concluído
Varinha:

MensagemAssunto: Re: Castelo de Dublin   Dom 21 Fev 2016, 20:34

. Mirei para o feitiço que vinha em minha direção .
- Avis
. Várias aves foram conjuradas e uma só levou o feitiço e sei lá o que rolou com ela, pq ela não tem varinha e depois miro para as demais aves .
-Oppugno
OFF: Ataquem ele, mais precisamente ceguem ele.
ON: . Ordeno que as aves ataquem ele.

_________________
Legenda de duelo:
. Ações Abigos .
- Feitiços Verbais Abigos
" Feitiços não Verbais Abigos "
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Jack W. Silva
Fantasmas
Fantasmas
avatar


MensagemAssunto: Re: Castelo de Dublin   Dom 21 Fev 2016, 20:37

Com as aves irritadas e sob meu domínio com o feitiço imperius, ordenei que elas se voltassem contra o comensal.

- Agora sai dessa, parça.

Com o controle mental, ordenei que elas desistissem de me atacar e o cegassem.

Apontei a varinha para o peito dele:

- Petrificus Totalus!

E em seguida um centímetro acima da cabeça dele.

"Conjurius Army"

Conjurando um peso quadrado diretamente acima da cabeça dele com as mesmas proporções do corpo dele e com o peso de 1tonelada, de forma que o esmagasse. O peso estava prestes a cair.

OFF: Aves, ceguem-no.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Leonardo B. Cancheski
Fantasmas
Fantasmas
avatar


Perfil de Quest
Escola/Casa: Uagadou
Ano Escolar: Concluído
Varinha:

MensagemAssunto: Re: Castelo de Dublin   Dom 21 Fev 2016, 20:39

. Miro para a minha frente .
" Conjurius Army "
. Uma puta caixa foi conjurada que sobreviviria a qualquer coisa que fosse em cima dela e não pudesse entrar nenhuma ave nela e antes disso ele soltou um feitiço contra a minha pessoa que entrou na caixa e digo mirando para o mesmo .
- Petrificus Totalus

_________________
Legenda de duelo:
. Ações Abigos .
- Feitiços Verbais Abigos
" Feitiços não Verbais Abigos "
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Jack W. Silva
Fantasmas
Fantasmas
avatar


MensagemAssunto: Re: Castelo de Dublin   Dom 21 Fev 2016, 20:42

Aponto a varinha para o feitiço que talvez vinha contra mim.

- Reflectus Petrify.

Percebo que tem um cara petrificado dentro daquela caixa.

Aponto a varinha para minha frente

"Ignotus Gaubracianus"

Conjuro o fogo em minha volta me protegendo de qualquer coisa que estivesse ali em volta. Em seguida lanço o fogo contra a caixa pra procurar qualquer buraco e entrar ali dentro, queimando o homem.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Leonardo B. Cancheski
Fantasmas
Fantasmas
avatar


Perfil de Quest
Escola/Casa: Uagadou
Ano Escolar: Concluído
Varinha:

MensagemAssunto: Re: Castelo de Dublin   Dom 21 Fev 2016, 20:44

. Passou o meu tempo de petrificado e miro para o ignotus que vinha na minha direção .
" Ignotus Glaciare "
. Os fogos se cancelam e Logo após isso miro para a minha frente .
- Portus
. Entro no portal e Sou levado para atrás do meu adversário saindo daquela caixa e digo para ele .
- Hoje não parça

_________________
Legenda de duelo:
. Ações Abigos .
- Feitiços Verbais Abigos
" Feitiços não Verbais Abigos "
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Leonardo B. Cancheski
Fantasmas
Fantasmas
avatar


Perfil de Quest
Escola/Casa: Uagadou
Ano Escolar: Concluído
Varinha:

MensagemAssunto: Re: Castelo de Dublin   Dom 21 Fev 2016, 20:45

OFF: VOu pra trás do meu adversário, disse em ON então fodaci

_________________
Legenda de duelo:
. Ações Abigos .
- Feitiços Verbais Abigos
" Feitiços não Verbais Abigos "
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Jack W. Silva
Fantasmas
Fantasmas
avatar


MensagemAssunto: Re: Castelo de Dublin   Dom 21 Fev 2016, 20:46

- ITS THE END OF THE WORLD

Explico pra ele.

- Tô ligado que tu estudou na África.

Comentei, me lembrando do leozim em Uagadou.

Desaparato dali.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Leonardo B. Cancheski
Fantasmas
Fantasmas
avatar


Perfil de Quest
Escola/Casa: Uagadou
Ano Escolar: Concluído
Varinha:

MensagemAssunto: Re: Castelo de Dublin   Dom 21 Fev 2016, 20:46

OFF: Jack Viado

_________________
Legenda de duelo:
. Ações Abigos .
- Feitiços Verbais Abigos
" Feitiços não Verbais Abigos "
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Leonardo B. Cancheski
Fantasmas
Fantasmas
avatar


Perfil de Quest
Escola/Casa: Uagadou
Ano Escolar: Concluído
Varinha:

MensagemAssunto: Re: Castelo de Dublin   Dom 21 Fev 2016, 20:46

. Desaparato do local após ele sair de lá .

_________________
Legenda de duelo:
. Ações Abigos .
- Feitiços Verbais Abigos
" Feitiços não Verbais Abigos "
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Leonardo B. Cancheski
Fantasmas
Fantasmas
avatar


Perfil de Quest
Escola/Casa: Uagadou
Ano Escolar: Concluído
Varinha:

MensagemAssunto: Re: Castelo de Dublin   Dom 21 Fev 2016, 20:50

. Para um possível julgamento lembro que estou dentro da caixa ainda e miro para minha frente .
- Portus
OFF: Fora da caixa
ON: . Logo após isso desaparato do local .

_________________
Legenda de duelo:
. Ações Abigos .
- Feitiços Verbais Abigos
" Feitiços não Verbais Abigos "
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Gregor Zarek Donati
Comerciante
Comerciante
avatar


Perfil de Quest
Escola/Casa: Durmstrang (Escandinávia)
Ano Escolar: Concluído
Varinha: Corda de Coração de Dragão, Cipreste, 30cm, Maleável.

MensagemAssunto: Re: Castelo de Dublin   Dom 03 Abr 2016, 06:25

Pelo visto apenas fantasmas visitavam o castelo de Dublin. O local estava completamente vazio quando cheguei, e permaneceu assim por todo o tempo da minha visita. Não nego que era um pouco estranho demais, por isso saio dali.

_________________
~ Gregor Zarek Donati ~
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nicholas Slytherin Larsen
Herdeiro da sonserina
Herdeiro da sonserina
avatar

Patrono : Jiboia
Bicho-papão : Alessa Larsen (Mãe)

Perfil de Quest
Escola/Casa: Sonserina
Ano Escolar: 7º Ano
Varinha: Escama de Kappa, Bordo, 26cm, Flexível

MensagemAssunto: Re: Castelo de Dublin   Qui 26 Maio 2016, 23:52



Family Trip
Nicholas M. Larsen


A ideia de viajar com seu pai pareceu excelente quando Nicholas recebeu a carta ainda antes do ano letivo terminar e o recesso dar-se inicio. Viajar para a Irlanda, país que ele só tinha visitado uma única vez quando ainda era bebê seria muito bom, mas a melhor parte seria mesmo passar um tempo com seu pai, já que raramente o via. Alexander Larsen era um homem muito ocupado, historiador, viajava para diversos cantos do mundo em busca de um trabalho mais interessante que o outro. Nicholas entendia perfeitamente a vontade e a urgência de seu pai em viajar pelo mundo e aproveitar o máximo possível, ainda mais se pudesse ficar longe de Alessa, sua mãe e não tão amável esposa (nem mãe). Enquanto Nicholas caminhava ao lado do seu pai enquanto tomava um grande chocolate quente com marshmallow, ele contava a história do velho castelo de Dublin e de toda sua glória. Por mais que o garoto esteja cada vez mais afastado de seu pai, ele não podia deixar de sentir orgulho pelo homem. A sabedoria e a paixão pelo que fazia era inspirador. O garoto sentia vontade de conversar com ele sobre tudo o que acontecera em Hogwarts no último ano. Gostaria de contar sobre suas paixonites adolescentes, sobre a Intercasas, sobre seu excelente resultado no ano, sobre seu nome estar no Hall da Fama dos Sonserinos e principalmente contar que descobrira ser Ofidioglota. O garoto suspirou e apenas sorriu, naquele momento queria ouvir seu pai falando de grandes reis e conquistadores bruxos e curtir o momento das suas férias.

_________________



SLYTHERIN
Proud •Ambitious • Cunning

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Kyle McFlont Stavros
Grifinória
Grifinória



Perfil de Quest
Escola/Casa: Não possui
Ano Escolar: 1° Ano
Varinha: Pelo de Unicórnio, Cipestre, 26cm, Maleável.

MensagemAssunto: Re: Castelo de Dublin   Sex 17 Jun 2016, 02:08



We always find our way back home


See, we won't forget where we came from. The city won't change us. We beat to the same drum. No, we won't forget where we came from.
A
ideia de voltar a morar na Irlanda era reconfortante para mim, afinal era ali o meu lugar, aquele que nunca deveria ter saído. Era tudo o que eu sempre quis desde que nos mudamos para Londres, mas agora, tudo estava diferente naquela cidade, pois não tinha mais a presença de meu melhor amigo para conversar e nem de meu pai, éramos somente minha mãe e eu, apesar de as vezes achar que minha mãe não estava mais em sintonia com esse mundo, pois vivia viajando em seus pensamentos. Estava frio naquela manhã, mas eu realmente queria fazer um tour por alguns pontos da cidade, aqueles que no qual eram meus favoritos, a começar pelo castelo de Dublin, que, no passado, era onde eu passava horas com minha mãe e meu pai. Ao chegar perto do castelo, uma lembrança veio a minha mente. 'Foi ali, de frente para aquele castelo onde meu pai pediu minha mãe em casamento' - pensei, relembrando minha mãe contando aquela história diversas vezes.

Toda vez que entrava pelo portão do castelo, me sentia com um enorme peso nas costas, como se tivesse alguém me puxando para baixo, querendo me derrubar. Era como se uma corrente de ar sobrenatural, muito gelado que me dava arrepios por todo o meu corpo, onde calafrios percorriam minha coluna, porém no passado achava que era apenas uma sensação estranha, mas agora, depois de todo o acontecido na minha vida, eu sei que naquele exato momento, eu não estava mais sozinho, que havia alguma entidade ali perto de mim, tentando se comunicar comigo, ou tentando fazer algum mau para mim. Por onde eu olhava via vultos, correndo de um lado para o outro. - Quem está aí? Apareça. - disse, tentando invocar o espírito para se revelar, pois a cada segundo que passava o vento frio ficava cada vez mais intenso que até meus dentes começaram a bater, e o espírito insistia em se aproximar, porém não revelando sua verdadeira forma. - Apareça, só quero conversar. - disse ao vento olhando para os lados procurando, mas nada acontecia. Então os vultos começaram a ficar cada vez mais intensos, me rodeando, que acabou fazendo com que eu desabasse e ficasse ali, no chão. Era uma sensação horrível, pois não conseguia me mexer de tão ruim que meu corpo estava, parecia que todos esses espíritos estavam, de alguma forma, se alimentando da minha energia. - Você está bem? - ouvi um som bem fraco ao fundo, que parecia que as pessoas estavam me observando, após minha queda. Sem condições nenhuma de poder responder, acenei com maior esforço possível a cabeça que sim, para ver se as pessoas se dispersassem dali. Passados alguns minutos, que para mim parecia horas, de toda aquela agonia, consigo levantar a cabeça e vejo uma luz branca vindo e minha direção, ou pelo menos era o que eu estava vendo, nem sabia se era ou não real. 'Eu não posso morrer agora, não depois de tudo que passei.' - pensei, mas aquela luz vinha sem parar, até um momento que ela simplesmente parou, e foi onde eu percebi que não era uma luz qualquer, parecia um espírito tentando me ajudar, apesar de sua imagem aparecer meio embaçada, dava para ver traços de uma pessoa. 'Será meu pai? Ou Parker?' - passou em segundos na minha mente. E quando me dei conta, parecia que aquela luz estivesse estendendo uma mão para me ajudar a levantar. E naquele momento senti um calor enorme dentro de mim, que me fez reerguer e recuperar toda minha força. Apesar de não saber o que era aquela luz, ou melhor, não saber quem era, ficava imaginando que poderia ser meu pai ou até mesmo meu irmão, até porque parecia ser como um anjo da guarda, pois naquele momento em que mais precisei, apareceu para me salvar.

A partir daquele momento eu pude perceber que em qualquer tipo de apuros que eu estivesse, ia ter sempre alguém para me ajudar, sendo um ser vivo, ou uma entidade. Quando consegui me acalmar, após todo aquele alvoroço, tentei ao máximo sair do castelo despercebido, porém, conseguia ver, a minha volta, pessoas falando e apontando, como se eu fosse um monstro, e nisso eu não sabia onde "enfiar" a minha cara. Se tivesse acontecido com outra pessoa, provavelmente iria falar ou até mesmo apontar, mas ao saber que foi comigo, era desconfortante aquilo, já que ninguém cai, desmaia ou coisa parecida do nada, alguma coisa tinha que estar acontecendo. Então, abaixei minha cabeça, fitando o chão, e fiz o máximo que pude para passar despercebido, saindo de lá e voltando para casa.

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Isaac Zaffini Richmond
Sonserina
Sonserina
avatar

Bicho-papão : Zombarias

Perfil de Quest
Escola/Casa: Sonserina
Ano Escolar: 4º Ano
Varinha: Aveleira, 25 cm, Maleável, Pelo de Barba de Gnomo.

MensagemAssunto: Re: Castelo de Dublin   Dom 19 Jun 2016, 21:54

Passei por ali enquanto fazia um tour pelo meu país de origem. A Irlanda não era de todo ruim, mas a cada dia que passava, mais saudades eu sentia da minha viciante Itália. Logo, saí do local.

_________________
ZAFFINI RICHMOND . 
My current state is heavy. Hope it's a phase or something.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Maurício Báthory Lambert
Monitor da Corvinal
Monitor da Corvinal
avatar

Patrono : Urso-pardo
Bicho-papão : Indominável

Perfil de Quest
Escola/Casa: Corvinal
Ano Escolar: 7º Ano
Varinha: Lasca de Casco de Centauro, Cerejeira, 28cm, Flexível.

MensagemAssunto: Re: Castelo de Dublin   Seg 19 Set 2016, 00:16

Fazia alguns dias que eu tinha ficado de férias de Hogwarts e depois de tanto insistir a minha mãe, a mesma me deixou vir passar uma semana com minha tia-avó, Lacy, na Irlanda. Os irlandeses odiavam os britânicos por natureza, mas era um povo muito caloroso, até mesmo com aqueles que odiavam se não usasse as típicas roupas da ilha da rainha. 

_________________
Maurício Lambert
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário conectado
Nathaniel Dorin Belikov
Lufa-Lufa
Lufa-Lufa



Perfil de Quest
Escola/Casa: Mahoutokoro
Ano Escolar: 1° Ano
Varinha: Cabelo de Veela, Olmo, 32cm, Inflexível.

MensagemAssunto: Re: Castelo de Dublin   Sab 22 Out 2016, 11:32

Estava completamente exausto e insatisfeito com aquela vida medíocre que vivia, somente porque era o jeito, apesar de sempre ter tido boas companhias em sua vida, o rapaz sentia-se mais sozinho do que nunca. O trabalho exigia muito, e sinceramente, tem hora que ele fica sem ânimo para exercer qualquer atividade, seja ela já presente em seu currículo semanal ou apenas uma atividade extra. Enfim, apenas queria tirar férias da minha própria vida, se é que isso é possível. Às vezes, se limito a pensar em como seria se pudesse hibernar, como algumas espécies brilhantemente fazem, geralmente durante o período invernal. Seria de extrema valia dormir e acumular energia por bastante tempo, pelo menos achava que os humanos precisam mais disso do que um urso marrom, por exemplo. E era assim, com a cabeça cheia de pensamentos insignificantes e até idiotas que se movia lenta e discretamente pela cidade irlandesa de Dublin.

Realmente, era um lugar bonito e tudo o mais, só que hoje a temperatura estava um tanto fria, o que dava um aspecto morto à famosa cidade. Era difícil ver alguma criatura humana sair por aí, as ruas estavam praticamente vazias, parecia que toda a população tinha resolvido se trancar em casa. – Besteira, uma cidade bonita dessas. – Disse como se discordasse do fato, enquanto apontava o dedo para o Castelo de Dublin, um ícone da cidade e muito famoso entre a população trouxa. Passou a mão rapidamente pelos cabelos, jogando-os para trás, e em seguida coçou a barba rala, que insistia em aparecer, por mais que tivesse pouco tempo que havia tirado, acho que alguns dias. Prosseguiu andando pela ruela, até achar um bom ângulo para observar o castelo antigo, e admirá-lo. Realmente, era muito bonito, mas não iria gastar mais seu tempo vendo um castelo, sendo que poderia vê-lo outras vezes. Ou não. Esboçou um leve sorriso em sua face jovial, e colocou as mãos nos bolsos do casaco de algodão que trajava, seguindo seu caminho, que aliás ele nem sabia qual era. Saio do local.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Charlotte Adalyn Brooks
Sociedade Bruxa - Adulto
Sociedade Bruxa - Adulto
avatar

Patrono : Gato Scottish Fold

Perfil de Quest
Escola/Casa: Sonserina
Ano Escolar: Concluído
Varinha: Ferrão de Explosivin, Bordo, 27cm, Flexível.

MensagemAssunto: Re: Castelo de Dublin   Sab 19 Nov 2016, 14:13

Descobertas


Era domingo e acordei cedo como habitualmente. Desde que minha mãe contou sobre a existência de mágica meu mundo virou do avesso. Como ela pode esconder tanto tempo isto de mim? As novidades não pararam por ai... eu tinha uma irmã, bom, na verdade Olive teve uma filha e por motivos idiotas e estranhos ela não pode criar. Agora o objetivo de minha mãe era achar estar menina. Já não basta eu? Ok, ok.. estava sendo egoísta, mas é que de certa forma tinha um pouco de inveja de saber que esta nova pessoa poderia roubar meu espaço. Esta nova pessoa fazia truques com varinhas e era do mesmo sangue do que o dela. “ Para com isso Éowyn” suspirei e sai de casa.

Sempre que meus pensamentos tornavam obscuros procurava ver o meu cavalo e  hoje não seria diferente. Eragon estava pastando ali perto e logo relinchou quando me vim – Eraaagon! - gritei batendo palmas para o mesmo. Este era nosso código quando precisava dele e, como fazia desde pequeno, veio correndo de encontro a mim. Depois de selado montei no animal quando vejo minha mãe aproximando – Esta tudo bem filha? - olho em  seus olhos e vejo a preocupação escancarada misto ao cansaço – Não se preocupe... ficarei bem. Só não use muito sua varinha perto de mim ok? - falei com uma certa amargura na última frase. O olho da mulher a minha frente passou vários sentimentos terminando-o em dor. Claro que poderia falar algo para consolá-la, mas não o fiz. Peguei as rédeas do corcel e fui rumos a colina em uma marcha rápida, assim poderia ficar a sós com meus sentimentos e sentir a brisa tocar em meus cabelos curtos. Cavalgar me confortava e me acalmava. Saio dali

OFF: atemporal. segurar pp

Falas outras pessoas -Minhas falas

_________________
Charlotte Adalyn Brooks
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Liam Wichbest MacWood
Corvinal
Corvinal
avatar

Patrono : Guaxinim
Bicho-papão : Buracos negros

Perfil de Quest
Escola/Casa: Corvinal
Ano Escolar: 6º Ano
Varinha: Espinheiro-Alvo, 21 cm, Rígida, Pelo de Rabo de Testrálio.

MensagemAssunto: Re: Castelo de Dublin   Sab 31 Dez 2016, 15:53


Como de praxe, eu decidira passar por Dublin antes de retornar à Irlanda do Norte e curtir o resto das férias com os meus pais. O melhor de morar no Reino Unido é a facilidade de locomoção entre países, principalmente se você decide fazer uma viagem por conta própria, sem se preocupar com companhias apressadas. O verão europeu tinha desde dias ensolarados a rajadas de chuva fustigante, contudo aquela manhã optara por mesclar os extremos e fizera um céu nublado acumular um mormaço absurdo na cidade. Sem poder olhar para o sol, fui obrigado a comprar um guia turístico apenas para me abanar e tentar caminhar pelos meus pontos preferidos dali. O Castelo de Dublin era um deles. Depois de me ocupar por alguns minutos no local, saí em direção a outro destino.

_________________
all the stars are closer
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Orion Lionhart Beoulve
Sociedade Bruxa - Adulto
Sociedade Bruxa - Adulto
avatar

Patrono : Ornitorrinco
Bicho-papão : Morrer em algum acidente

Perfil de Quest
Escola/Casa: Lufa-Lufa
Ano Escolar: Formado
Varinha: Pelo de Nundu, Cedro, 27cm, Quebradiça.

MensagemAssunto: Re: Castelo de Dublin   Sex 06 Jan 2017, 00:39

Orion estava pronto para realizar um de seus maiores sonhos: em cima de alguma das torres do Castelo de Dublin, o jovem lufano sentia o vento frio, típico da Grã-Bretanha, acertando o seu corpo. Naquele momento, entretanto, a baixa temperatura era ainda mais sentida em suas pernas, pois ali não haviam mais calças ou shorts protegendo aquela parte de seu corpo e sim um lindo kilt verde e vermelho. A camisa era do Celtic, um time de futebol famoso na Escócia, só que a cor branca daquela veste contrastava muito bem com a coloração do suspensório que impedia a "saia" de Orion cair.

O lufano parecia sério, olhando para o nada com uma expressão sonhadora. Suspirou e esperou alguns segundos, havia esperado a sua vida inteira para aquele momento e agora, que estava tão perto de completar aquilo, um certo medo tomava conta de seu corpo. E se desse errado? A decepção seria muito grande? Não tinha muito medo da vergonha, pois tinha quase certeza de que estava sozinho ali. Então, um pouco nervoso, colocou sua mão em volta daquela circunferência dura e aproximou sua boca do objeto estranho. Era estranho fazer aquilo ali, mas necessário. Logo, com as mãos tremendo, começou a tocar, em sua gaita de foles, as notas que havia aprendido ao pegar as partituras da trilha sonora de Coração Valente para praticar sozinho. Conforme a melodia tomava conta do ambiente, Orion sentia uma alegria e confiança jamais vista tomando conta de seu corpo. O frio que congelava o seu bumbum, e outros lugares que não poderiam ser citados, não o atrapalhava mais, apesar de fazer alguns pelos de seu corpo ficarem arrepiados.

Assim que terminou de tocar a melodia em seu instrumento, o lufano olhou para a vastidão existente em torno do Castelo de Dublin e sorriu. Sabia que estava na Irlanda e o que fazia era algo típico da Escócia, mas não se importou muito. Gritando, enfim, em alto e bom tom pronunciou as seguintes palavras — Qual é o nome do filme onde um salgado de presunto e queijo luta pela liberdade contra os doces britânicos? — sabia que a reposta jamais viria, mas respondeu apra si mesmo — Croissant Valente! — e correndo, soltando o grito de "LIBERDADE" proferido por Mel Gibson no papel de Willian Wallace, Orion e o seu kilt, sairam dali imediatamente. O frio voltou a incomodar.

Saiu dali.

Off: música para acompanhar o post: https://www.youtube.com/watch?v=RvjNtJr4h4s

_________________
Orion Gerrard Lionhart Beoulve

  Anicôncio :: wyrd bið ful aræd :: Capitão do Time da Lufa-lufa
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Castelo de Dublin   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Castelo de Dublin
Voltar ao Topo 
Página 2 de 3Ir à página : Anterior  1, 2, 3  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Ilhas Britânicas :: Ilha da Irlanda-
Ir para: