InícioFAQBuscarPortalMembrosRegistrar-seLogin
IMPORTANTE: Parte do RPG voltou, mas ele ainda continua em reformas! Saiba mais sobre o que já mudou clicando aqui!
Que tal ter companhia para assistir Animais Fantásticos no Cinema? clique aqui e saiba mais!
As regras dos Avatares foram atualizadas! Cliquem aqui e confiram.
As Listas de Aprovados e Provão já foram divulgadas! O provão será realizados de 10 a 12 de dezembro.

Compartilhe | 
 

 Família Krochan

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Agatha C. Stella
Administrador
Administrador



Perfil de Quest
Escola/Casa: Lufa-Lufa
Ano Escolar: Concluído
Varinha:

MensagemAssunto: Família Krochan   Ter 12 Jan 2016 - 20:48




Origem: Mista
Localizada: No Caribe
No Século XVI Cristóvão Colombo viajava pelas águas de além mar seguindo as diretrizes de sua amante, uma Clarividente de grande poder. O homem em questão descobriu não apenas o local que hoje conhecemos como Estados Unidos, como também as Ilhas do Caribe. Numa dessas Ilhas vivia um povo totalmente bruxo, mas que utilizava formas diferentes e mais brutas de magia, baseando-se em rituais e oferendas aos seus deuses. Alguns dos bruxos que acompanhavam ao desbravador decidiram permanecer na Ilha em questão e conhecer um pouco mais a fundo a forma inovadora de usar a magia.  
Os nativos da região pertenciam a uma religião politeísta e acreditavam que caso sacrifícios fossem realizados em condições ideais feitiços poderosos poderiam ser feitos e inclusive a imortalidade seria alcançada. Passaram anos até que os bruxos europeus tivessem acesso a essa informação e quando descobriram entraram em polvorosa. Até o presente momento o único modo de alcançar a Imortalidade sem o uso de magia negra era o uso da Pedra Filosofal que Nicolau Flamel teve êxito em criar, mas que naquela época o fato ainda era considerado apenas um rumor.
O local para execução do ritual deveria ser no vulcão que existe na Ilha, no vigésimo sétimo dia do sétimo ano do calendário astral seguido pelos indígenas, data em que o mesmo sempre entra em atividade. Para funcionar com perfeição era necessário que um bruxo transfigurasse os próprios dentes até que se tornassem animalescos e tão resistentes quanto metal para em seguida extinguir a vida de uma pessoa com aquelas armas recém-adquiridas e ingerir parte do sangue e magia da pessoa em questão, sugando diretamente do corpo do sacrifício. Para encerrar a solenidade, deveria lançar o corpo na lava, em oferenda ao deus das chamas imortais, o Rannamaari. Na primeira vez em que o ritual foi realizado em conjunto com os europeus ele não funcionou e pensava-se que todos haviam decidido esquecer sobre a ambição que é tornar-se imortal.  
Por muitos anos os povos viveram juntos e em harmonia, compartilhando experiências e conhecimentos sem preconceitos, entretanto as condições ideais para a realização de um novo Ritual da Imortalidade chegaram e isso causou a ruptura. O inicio e o fim. Um grupo de bruxos depois de muito insistir conseguiram convencer todos a fazer uma nova e ultima tentativa de realizar o ritual, porém não esclareceram o quão longe iriam para alcançar seus objetivos. Tendo a todos no topo do vulcão em plena atividade a solenidade teve inicio, com apresentação de ricas oferendas. Tendo chegado o ponto em que uma pessoa deveria transfigurar-se e sacrificar um jovem rapaz houve uma grande comoção e todos os homens lá presentes sacaram suas varinhas e imobilizaram a todas a mulheres e os nativos. Sem uma única palavra direcionada aos cativos transfiguraram os próprios dentes e mataram a sangue frio todos os bruxos indígenas e os lançaram na lava. Tão logo os sacrifícios foram feitos uma luz rubra surgiu e levou todos á inconsciência.  

As consequências da traição foram percebidas aos poucos. Khan, líder e xamã, em seus últimos suspiros usa o sacrifício de seus irmãos e lança uma enorme maldição. Os feitiços usados naquela noite não mais seriam desfeitos e todos levariam no corpo a marca dos traidores.  

Uma vez despertos os bruxos traidores não mais conseguiram fazer com que seus dentes retornassem ao normal e todas as bruxas que não compactuavam com o plano de sacrificar a todos os nativos mantiveram-se separadas, formando um Clã totalmente feminino na ilha. Clã das Krochan, que na língua daqueles que morreram significava a ‘A vergonha’. Os homens se auto intitularam os ‘Dente de Ferro’ mesmo sem que os ossos em questão não tivessem as características do minério. Em pouco tempo perceberam que a coloração do sangue de todos aqueles com magia foi alterada para azul, cor que os nativos consideravam antinatural que trazia má agouro. E para piorar todos os bruxos que estavam presentes no momento do ritual não conseguiam sair da ilha. Seja aparatando, usando vassouras ou naus. Quando Colombo retorna para levar a seus colegas de volta para a Europa foi realizado um acordo. Todos aqueles que não participaram do Ritual seriam levados embora e a Ilha seria retirada de todos os registros. Como se nunca tivesse existido.
A linhagem dos Dentes de Ferro atualmente é inexistente, já que todos morreram na Ilha com o passar dos anos. Os descendentes das Krochan, aqueles que estavam na Ilha, mas não participaram do ritual viveram suas vidas com a preocupação de serem descobertos. Seu sangue azul carrega a marca da traição e perguntas que temem ter que responder. Com o passar dos anos a linhagem das Krochan foi dispersa e com o passar do tempo a memória do acontecido naquela Ilha esquecida foi esquecida completamente.  
A Baía fantasma é para onde todos os amaldiçoados iam depois de tentar escapar da Ilha. Sempre que era feita a tentativa de aparatar, era lá onde se desaparatava. Os ventos levavam as vassouras para este mesmo lugar. Todos as embarcações que saiam da Ilha voltavam para a Baía sozinhas, independente dos comandos do Capitão ao leme. Além disso, esse local possui uma outra particularidade. A cada sete anos uma embarcação em particular atraca na Baía e lá permanece por exatos sete dias.  
As Krochan viveram de acordo com um código de conduta restrito e extremamente punitivo quanto a magia. Depois do ritual toda forma de utilização de magia para fins não benéficos era considerada hedionda e punida com a morte. Apenas aos mais fortes em espírito eram permitidos a realização dos rituais antigos em adoração ao, Rannazuri, deus dos mortos e solicitação de bem-aventuranças. Há controversas sobre como teve inicio, se foi mais uma das extensões da maldição lançada na noite fatídica ou consequência dos repetitivos rituais feitos em honra a Rannazuri, mas a Ilha logo tornou-se sobrenatural.  

O vinculo com o mundo dos mortos se ampliou e a Ilha se tornou um ponto espiritual muito forte. Em noites de lua cheia as almas daqueles que morriam no mar eram atraídas para a Ilha pela luz emitida pelo Grande Farol. Um rio que em suas corredeiras leva apenas agua doce para o mar, nessas noites em particular assume uma característica etérea, como que uma leve fumaça branca e sedosa se ergue das aguas, e leva as almas para o outro lado da Ilha onde elas atravessam para o outro lado do véu.  

Apenas uma Krochan foi capaz de quebrar a maldição. Houveram boatos de que Calipso, uma das mais poderosas e habilidosas adoradoras de Rannazuri apaixonou-se por um dos homens que vieram na embarcação que atraca periodicamente na Baía Fantasma e para segui-lo ela foi capaz de romper as barreiras da maldição. Calipso seguiu seu amor e não retornou com vida. Sua alma foi guiada pelo Grande Farol até a Ilha e graças ao seu vinculo com o deus dos mortos ela até os dias atuais seu espirito ainda pode ser visto caminhando pelas margens do Rio das Almas, evitando que os espíritos se percam de seu caminho. Os feitos dessa grande bruxa no curto período em que esteva fora da Ilha fizeram com que ela fosse confundida com uma deidade elementar e temperamental.  
A Ilha Krochan é protegida contra meios de transporte bruxos e os meios de transporte trouxa são todos repelidos com magia, sendo conhecido entre os seres não mágicos como o famigerado Triangulo das Bermudas. Tempestades e furacões são ocorrências corriqueiras nessa área, juntamente com o desaparecimento misterioso de aviões e embarcações que embora os trouxas não saibam, mas são todos encontrados na Baía Fantasma.  

Paradisíaca, a Ilha é localizada no mar do Caribe. A água é sempre límpida e refrescante, necessária tendo em vista o quão quente são os dias na região equatorial. A Floresta possui os mais diferentes tipos de criaturas e armadilhas mágicas que se possa imaginar, mas também é possível encontrar lagos de águas cristalinas e cavernas cheias de tesouros naturais. Ao cair da noite A Neblina dos Esquecidos cobre toda a área da Floresta atraindo com uma voz suave a cantar as pessoas para dentro de suas brumas, mas uma vez dentro entre as árvores toda a memória da pessoa é apagada e apenas a vontade de dançar e se divertir ao som do canto mágico permanece. Quem volta de uma viagem na Neblina nunca mais é o mesmo. Há ainda o Vulcão que ainda entra em erupção periodicamente de acordo com o antigo calendário indígena.  
Séculos depois essas características marcam os pertencentes a linhagem Krochan. Apenas os descendentes com riqueza de espírito e benevolência apresentam a marca da traição e a sensação de que não pertencem ao local onde estão. Um sentimento que aumenta ao longo dos anos, criando no intimo a necessidade de encontrar a Ilha de seus ancestrais. A Ilha Krochan.  

Depois de se formarem, Jéssica e Letícia Gyllenhaal, inconscientes de serem descendentes do Clã das Krochan, vieram a receber a herança que lhes pertencia ao atingir a maior idade e usaram a fortuna para comprar a ilha no caribe que sem saberem estava inteira e intimamente ligada a elas. Fora construída uma mansão e inúmeros bangalôs para melhor acomodar e garantir privacidade. O local se tornou palco de festas em piscinas e luaus a beira mar, as garotas cometeram o sacrilégio de parcialmente transformar o antro sobrenatural, lar do espirito de Calipso, em um local de descanso e diversão.

No primeiro momento em que as primas colocaram seus pés na Ilha Krochan uma voz doce e cheia de força ecoou em suas mentes dizendo as palavras "Sua alma irá cantar, quando em solo sagrado pisar." Confusas ignoram o que ouviram e concluíram a compra do lugar. Desde então elas ouvem a mesma frase todas as vezes em que veem certas pessoas e tal acontecimento só para quando essas pessoas são levadas para a Ilha.  

A Ilha Krochan ainda mantem seus mistérios espirituais e aos poucos Jéssie e Letty irão descobri-los com a ajuda de Amalya, uma jovem garota capaz de conversar com os mortos e a própria Calipso. Com o tempo descobrirão que a conexão entre aqueles que carregam o Sangue das Traidoras e a Ilha mesmo com o passar dos séculos ainda é forte e canta em suas almas, fazendo com que elas sejam capazes de identificar seus iguais e leva-los para casa.  
Fundador: Fabrizio Gyll. Krochan;
Mel Krochan Gyllenhaal; Ninive Krochan S. Sparrow; Lucy Zarek Krochan; Nágila P. Keller McCready; Jéssica D'Amici Krochan; Letty Krochan Ziegler; Poppet Wëhrl Stavros; Nina Wiley Krochan Lyonne; Amalya Krochan Ziegler; Dante Krochan Gyllenhaal; Aletheia Gyll. Krochan; Mack Krochan Rietmann; Aquamarine J. Stavros; Jane Keller Von Ziegler; Calypso Krochan; Aidan Fiorenzo D. Mattazo
Mel - Matriarca dos Gyllenhaal e Docente em Hogwarts
Nina - melhor transformista de cabelo
Nágila - Metamorfomaga e Aduta
Letty - musa lora do paraiso, ex-jogadora do time da corvinal, ex-animaga ilegal, deusa dos sereianos
Nínive - professora, ex-legilimente e melhor tia da história da magia
Lucy - redatora do profeta diário
Amalya - Vê pessoas mortas; gatinha mais fofa da face da terra e agora fala *-*
Jéssica - Podre de rica; diva dona das melhores sobrancelhas do org inteiro; mommis do leão mais lindo da face da terra
Poppet - aluna maravilha, jogadora do time de quadribol da Sonserina, futura animaga ilegal e legili/oclu, a moça dos olhos coloridos
Aquamarine - coisa mais fofa da vida, loirinha das águas, descendente de sereiano
Em breve


_________________
Agatha C. Stella
Adultos • Crianças • Famílias
Minion da Ministra Evelyn
QUEEN OF HEARTS •ops!

Empadas:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
Família Krochan
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Primeira Seção-
Ir para: